Logística tributária: como ela pode te ajudar na redução de custos?

4 minutos para ler

A logística tributária se revela uma importante aliada para reduzir encargos em transportadoras e distribuidoras, uma vez que os estados e municípios não adotam normas uniformes. Normalmente, uma simples decisão sobre o trajeto pode modificar a balança e trazer avanços em termos de lucratividade.

Não por acaso, os empresários devem investir em conhecimento sobre a legislação para mapear as oportunidades e ameaças e buscar a situação mais favorável para a organização. A boa notícia é que, se você chegou até esse conteúdo, o primeiro passo foi dado.

A seguir, abordaremos o que é e como funciona a logística tributária, além de fornecer dicas para implementar essa estratégia em pequenas e médias empresas. Quer saber mais sobre o tema? Então, continue a leitura!

O que é e como funciona a logística tributária?

Consiste na parte do planejamento tributário responsável por reduzir a carga tributária nas operações logísticas. Isto é, assim como identificamos custos de manutenção, combustível, hospedagem, alimentação ao planejar o deslocamento em distribuidoras e transportadoras, podemos analisar quais são os impostos e benefícios fiscais.

A tarefa exige um verdadeiro mapeamento dos chamados fatos geradores, ou seja, das situações previstas em lei como causadoras da cobrança de impostos, taxas e contribuições. Isso sem contar um conhecimento profundo dos benefícios fiscais. Você sabia que muitas empresas mudam a sede para pagar menos tributos?

Nesse sentido, a equipe responsável pela logística tributária atua nos seguintes pontos:

  • identificar quais são os tributos incidentes sobre as operações logísticas da empresa;
  • buscar benefícios fiscais que possam eliminar ou minimizar custos;
  • postergar ao máximo o pagamento quando possível;
  • avaliar qual o melhor regime tributário diante do diagnóstico;
  • fornecer informações sobre o correto cumprimento das obrigações geradas pelas operações.

Sendo assim, mesmo pequenas e médias empresas podem encontrar soluções dentro da lei para pagar menos impostos e, assim, serem mais rentáveis.

Quais são os benefícios da logística tributária?

O planejamento com base na logística tributária é estratégico para pequenas e médias empresas. Veja, a seguir, os principais benefícios que a prática traz para a empresa.

Reduz os custos

Elimina tributos e minimiza a ocorrência de fatos geradores para que a empresa gaste menos com encargos.

Aumenta a lucratividade

Aumenta a quantidade de recursos que sobram para a empresa após o pagamento de todas as despesas, o que é determinante para reinvestir no crescimento do negócio.

Simplifica o pagamento

Dá uma ideia mais clara sobre os valores cobrados e os passos necessários para ficar em dia com as obrigações.

Como fazer logística tributária?

Uma vez entendida a importância da logística tributária no funcionamento da empresa, é preciso saber quais são os procedimentos para melhorar esse planejamento no seu negócio. Veja as dicas abaixo para ser bem-sucedido.

Fique de olho nas leis

Pesquise sobre a legislação do segmento da empresa e, principalmente, sobre os tributos que recaem sobre sua atividade. O conhecimento é a principal ferramenta para uma boa logística.

Tenha uma equipe qualificada

Reúna profissionais com competências técnicas em Direito Tributário e Contabilidade para que eles forneçam embasamento para as decisões da empresa.

Escolha a modalidade tributária ideal

Identifique, dentro das informações recolhidas, qual a melhor maneira de realizar as operações logísticas, focando principalmente na decisão sobre o regime tributário ideal.

Procure uma consultoria especializada

Contrate profissionais que possam agregar o know-how em matéria tributária e auxiliar o planejamento. Muitas vezes, por sua estrutura limitada, as pequenas e médias empresas não reúnem condições de manter especialistas em seus times.

Sendo assim, a consultoria externa pode ser um caminho para criar uma logística tributária mais eficiente. Afinal, o próprio retorno obtido com a redução de custos compensa o investimento.

Gostou do conteúdo? Como você vem enfrentando o problema dos tributos na sua empresa? Deixe seu comentário no post e contribua com a sua experiência para tornar esse material ainda mais rico!

Fabrício da Silva 
CEO | Comercial 
FDS Economia Tributária & Blindagem Patrimonial 
fabricio@fdstributario.com.br

Posts relacionados

Deixe uma resposta